Seu carrinho está vazio

Aniversário de 10 anos da Cissa Magazine

Imagem do autor Clerson Klaumann Junior
Clerson Klaumann Junior
Especialista em tecnologia da Cissa Magazine
23/09/2020 1.255 visualizações comentarios

No dia 19/10/20, a Cissa Magazine está fazendo seus queridos 10 ANOS DE VIDA! O ano em que completa uma década de existência, de realizações e aprendizados. E apesar de não estarmos juntinhos para comemorar esse aniversário, vamos dar um jeito de nos unirmos para comemorar essa data tão importante! 

Afinal de contas, uma vida bem vivida merece ser comemorada junto de pessoas especiais como você! Portanto, viemos te contar um pouquinho da nossa trajetória, desde quando tudo começou a dar seus primeiros passos, até os traços iniciais da formação do Marketplace. Contaremos também os produtos que mais fizeram, e fazem, sucesso. E a parte mais legal de todas: as curiosidades da empresa. 

Embarque nesta aventura fantástica e fique por dentro de como esse recanto de possibilidades se tornou esse grande oceano de realizações dentro do Marketplace. Então vem com a gente que te apresentamos tudo bem direitinho!

Os 10 aninhos da Cissa Magazine

1. O Nascimento de um Sonho!

logo aniversário Cissa magazine

Quase sempre, toda matéria que envolve “contar uma história” tem um jeito bem monótono de ser contada. Dia tal, aconteceu tal coisa e blá blá blá. Dá até um soninho, né? Mas como a gente aqui da Cissa preza, acima de tudo, por histórias instigantes, que dilatam a pupila só de tocar os olhos, vamos te contar toda essa trajetória de uma forma diferente. 

Em fevereiro de 2010, o botãozinho de “Start” da Cissa foi pressionado, e foi ali onde começou a ganhar forma. 

Parece um pouco clichê, mas o nascimento do grupo veio do famigerado “vamos ver se dá certo”. Porque bem antes de 2010, a Cissa era focada inteiramente em celulares, onde ela própria comprava e daí então ofertava em outro site. Não tinha nada a ver com o que é hoje. Ah, mas o nome não era assim bonitinho, não. De começo, ela se chamava “Repasses Mobile” (que até quebrava um galho), e apesar de tudo, escolheu o momento certo para começar sua jornada.

Sabe aqueles contos de Steve Jobs, Bill Gates e outros grandes nomes, que começam seu empreendimento na garagem dos fundos? Com a Cissa foi mais ou menos assim também. A única diferença é que em vez de garagem, era um quartinho de casa. E foi ali que a bola rolou!

Enquanto as vendas aconteciam através do “Repasses Mobile”, dentro de um site que divulgava os produtos a coisa engrenava. Tanto que, o primeiro celular a ser vendido foi aquele Motorola Dext, que você inclinava na horizontal e podia puxar uma tecla QWERTY belíssima. Aquilo era o chique da época, que muita gente comprava pra ostentar, sabia?

motorola dext aniversário cissa magazine

Primeiro celular vendido na Cissa

Quando uma fumaça de oportunidade apareceu, era hora de investir. Viram ali uma oportunidade de negócio que daria certo. Mas você deve ter se perguntado: Foi sorte, né? Bom… um pouco, sim. O resto, podemos dizer que foi por determinação. Além dos três detalhes importantes que fizeram parte desse progresso:

  • O Motorola Dext era um dos primeiros Android a serem vendidos no Brasil, dando um UP bem legal na demanda;
  • Havia usuários doidos para comprar esses novos Androids e nas lojas os produtos eram muito mais caros;
  • O perfil no site que divulgava os celulares tinha um histórico excelente e uma boa reputação em compras frequentes.

Tudo isso ajudou para a Cissa crescer. Então, em agosto de 2010 veio o primeiro back. Sabe né, todo herói quando experimenta seus primeiros poderes também experimenta a queda. Faz parte. E com a Cissa também foi isso. Naquele mês, o site que os produtos eram vendidos exigiu um CNPJ (aqueles números enormes que toda empresa precisa ter) e acabou bloqueando a conta. #triste

Mas a gente sabe que tudo que chega no fundo do poço inevitavelmente melhora. Em outubro de 2010, a Maria Cecília nasceu, apelidada carinhosamente de Cissa. E assim nasceu o nome da Cissa Magazine!

Portanto, em exatos dez dias após o nascimento da Maria Cecília, o CNPJ da Cissa foi criado, e daí a coisa decolou de vez. O final de 2010 foi um momento incrível de grandes conquistas, começando ali, naquele escritório de casa. E assim se deu a criação da Cissa Magazine. Mas não fecha agora não, tem mais historinhas legais pra contar.

Vamos agora para uma parte muito bacana, que é a trajetória até aqui, em 2020!

2. E a ideia começa a engrenar...

layout antigo aniversário cissa magazine

Primeiro layout do site da Cissa Magazine

Então vambora pra trajetória. Pois bem... no começo, a ideia era trabalhar diferente dos grandes concorrentes. Porque assim... na época em que a Cissa estava começando, a Anatel obrigou todos a venderem os celulares desbloqueados. Ou se não vendessem desbloqueados, tinham que, pelo menos, fornecer um código para desbloqueio.

Mas já viram aquela frase do “quem quer, consegue”? Então, foi exatamente isso que a Cissa fez. No começo de 2011 já haviam 3 funcionários trabalhando. E no final do ano, os super-heróis deixaram o escritório de casa e alugaram uma sala particular. A partir dali, acordar de pijamas e ir trabalhar não seria mais uma rotina.

Uma outra coisa legal que aconteceu nesse ano foi que a Cissa criou o seu site, com layout próprio, bem cute cute, através de uma solução E-Commerce. Essa solução até que atendia a algumas expectativas, mas na maioria das vezes dava problemas, que foram deixando todo mundo bem #decepcionado.

Para o bem de todos, entre 2012 ou 2013, a Cissa mudou de plataforma para algo mais profissional. Nessa época o foco continuava sendo os celulares da Samsung, LG, Motorola, Nokia. E alguns desses ainda são os queridinhos da galera até hoje.

Com o tempo, o time foi crescendo e se destacando, com admissões para o suporte, cadastro de produtos e etc. E em 2014, um pátio só para a empresa foi adquirido a fim de reunir mais funcionários. Naquele ano, bastante dim dim caiu no bolso, já que o esforço também tinha sido enorme nos anos anteriores. Dinheiro vem, dinheiro vai, e a Cissa continuava crescendo. Isso só até a metade de 2015! (pausa dramática)

helicóptero aniversário cissa magazine

Primeira viagem de helicóptero com os funcionários

Em setembro daquele ano começou a crise. Sabe? Aquelas crises chatas que você vê um monte de números subindo e descendo, com notícias espantosas por todo lado de preços subindo e tudo mais. É um tédio! Enfim... naquela época, diversos cortes tiveram de ser feitos. Vários campos foram afetados. Mas não era hora de chorar!

Era hora de se levantar e montar os tijolinhos da vida, assim como todo mundo faz em momentos de crise. A Cissa fez justamente isso. Desistir? Puff, não no nosso vocabulário!

Em meio ao lamaçal que estava o ano de 2015, alguém precisava chegar para praticar as mudanças. E quem seria o nosso Chapolin Colorado? Bom, não seria exatamente o Chapolin, mas os queridos Power Rangers! Cinco homens destemidos começaram uma jornada para formar uma plataforma completa e que sanasse as dores da Cissa.

Com isso foi criado o Magazord, uma plataforma de E-Commerce desenvolvida do zero que se tornava muito mais viável do que as demais fontes. Nessa época, a equipe Magamobi já existia, e integrava uma galera para ajudar em todos os setores.

magazord aniversário cissa magazine

Layout inicial do site Magazord

Vendo que a plataforma fazia sentido, e que os Power Rangers podiam salvar o mundo do E-Commerce, ela entrou para o mercado para ser vendida. E em um ano de criação veio o primeiro cliente ativo. Na metade de 2016, já estava mais do que na hora de morfar e trazer a querida Cissa Magazine para essa plataforma.

Pois bem, foi o que aconteceu! Naquele ponto do percurso, a Cissa já tinha passado do processo de engatinhar e já estava bem grandinha. E para complementar ainda mais, uma nova etapa veio para alterar o nosso jeito diferentão de ser.

layout 2016 aniversário cissa magazine

Homepage da Cissa Magazine em 2016

3. O início de um novo ciclo

Agora vem uma partezinha da história que guarda um espacinho no nosso coração. Essa parte se passa em 2016, mais especificamente em julho. Fazia frio em Santa Catarina (como de costume) e as mentes brilhantes, junto aos super-heróis da empresa, tiveram uma ideia: e se a gente mudasse?

marketplace page aniversário cissa magazine

Mudar faz parte. Mudar faz bem. Mas pra melhor, viu? E se não for pra melhor, dá um jeitinho. É isso que a Cissa sempre zelou! E foi exatamente essa novidade que despontou na cabeça dos nossos queridos anfitriões das ideias em julho. Naquele mês, houve uma tendência bem grande na área do E-Commerce sendo desencadeada, principalmente pelos que tinham sites com bastante autoridade.

Por isso, uma grande ideia tomada foi a de transformar a Cissa Magazine em um Marketplace. Mas pera, o que raios é um Marketplace? Bom, se você não sabe, a “Wiki Cissa” te ajuda!

Não é nada difícil, acredite. Basicamente, existem vários lojistas que procuram ter maior venda dos seus produtos. Com o Marketplace é possível divulgar esses produtos em uma loja online, mediada por uma empresa (como a gente!), para os clientes acessarem e comprarem esses produtos. Nesse sistema, a empresa ganha uma comissão pela venda, e o lojista ganha a parte dele. Ah, e claro, o cliente ganha o que comprou, haha! Viu como é fácil?

Pois bem, agora que explicamos para você o que é o Marketplace, vamos dar um geral de como a Cissa se tornou um Marketplace.

market place aniversário cissa magazine

Você já deve estar careca de saber que as coisas que se destacam no mercado só estão lá porque enfrentaram seus concorrentes. Parece óbvio, mas nem todo mundo tem uma coragem semelhante.

Quando chegou em 2016, todos os outros sites estavam partindo para o Marketplace. E a Cissa também não estava conseguindo bater muito de frente com as lojas pequenas. Então, a ideia era a seguinte: que tal juntarmos todas essas lojas pequenas em uma empresa só? Brilhante ideia, com certeza. Mas era hora de começar a agir e sair em disparada sobre os demais.

Dada a largada de implantação, os lojistas tinham de ser prospectados o quanto antes. E em outubro de 2016 começou o rush! Foram dias e noites conferindo documentações, chamando clientes, analisando serviços...

Mas como você deve saber, lidar com pessoas é como jogar uma Corrida Maluca. Vão ter desde Dick Vigaristas, com Muttleys rindo de fundo, até Professores Aéreos com propostas engenhosas e determinações impecáveis. Mas de um jeito ou de outro, a disputa tinha de ser feita. E, bem… os mocinhos quase sempre se dão bem, não é mesmo?

Depois de três meses indo atrás de lojistas, em janeiro de 2017 o Marketplace da Cissa finalmente foi inaugurado! A partir daí, novas pessoinhas foram contratadas para ajudarem no comercial a recrutar mais e mais lojistas.

marketplace aniversário cissa magazine

Cissa Marketplace em ação

Mas não pense que vivemos apenas de celulares por todo esse tempo. A Cissa começou seu Marketplace marcada pela venda de diversos acessórios, telefonia rural (aqueles com botãozinho que sua avó tinha em casa, sabe?) e áudios (caixas de som e fones de ouvido). A ideia principal era complementar aquilo que a Cissa tinha anteriormente em estoque. Ou seja, se a Cissa vendia telefones rurais, o nicho de procura por lojistas seria aquele. Sacou?

Pois então… cada vez mais a galera do comercial foi recrutando gente, mas houve um entreposto nesse caminho. Empresas grandes são tipo o “boss” do E-Commerce, já que dificilmente se consegue transformar ela em um lojista parceiro de verdade. E isso acontece por N fatores, mas foram os “nãos” que escutamos dos grandalhões que nos fizeram entender o real foco da Cissa: pequenas e médias empresas.

vendas marketplace cissa magazine

Vendas do Marketplace

O BOOM do Marketplace foi visível já no primeiro ano, e no segundo então…. aí só decolou! Chegamos em 2019 com grandes destaques em hardwares (Placas de vídeo, Placa mãe, Fonte e etc) e em telefones da Xiaomi. Tentamos também explorar a venda de móveis e decorações no site, só que, bem... não deu muito certo. #acontece_vai

Hoje estamos aqui, firmes e fortes, ganhando cada vez mais destaque por nossa determinação em todos esses anos. Afinal, são dez anos. Exatamente uma década! Uma década empenhando suor e coragem por cada cubículo que adquirimos. Claro, tem muito mais pela frente, mas ficamos muito felizes de crescer em conjunto, em amizade, em família…

antes depois aniversário cissa magazine

Sede da Magamobi

Se você leu até aqui, é porque realmente se empolgou com a nossa história. Você agora é oficialmente o nosso amigão do coração. Pois todo amigão sabe a trajetória, conquistas e adversidades que o outro passou. E você faz parte disso! Parte de um cantinho da Cissa.

Chega de melosidade e vamos partir para um assunto mais interessante, que são quais os produtos que vendemos aqui na Cissa.

Não sai ainda não, temos umas coisinhas bem legais pra tratar!

4. Mas o que afinal a gente vende?

Os móveis e decoração não deram certo, realmente… a gente assume isso. Mas vale ressaltar os segmentos que a gente mais se orgulha em oferecer, que são:

  • Smartphones: Nosso pioneiro não poderia faltar, claro. Esta é uma categoria que ficará para sempre como marca registrada da Cissa Magazine. Aqui oferecemos celulares que vão desde Xiaomi, SamsungMotorola e outras marcas famosinhas, até aqueles de vovô da ObaBox. Pensou que a gente só pensasse nos moderninhos? Claro que não!

smartphones aniversário cissa magazine

  • Áudio: Curte uns indiezinhos bacanas? Ou você é do tipo eclético, que vai desde Axé, Rap e MPB em apenas uma playlist? Bom… seja lá qual for o seu perfil, a Cissa Magazine oferece Fones de Ouvido e Equipamentos de Áudios que você adoraria ter em mãos (ou “em ouvidos”, ba-dum-tss), sendo um grande destaque que a gente carrega tatuado no nome.

áudios aniversário cissa magazine

  • Informática e Hardware: Para você que curte jogar de ADC no LOL, é only AWP no CS:GO ou se amarra em squad no PUBG, a gente tem uma série só para você de itens de informática ou hardwares. Tá cansado da sua Intel Graphics dando lag até no Paciência Spider? Então a gente te ajuda! Pois nós oferecemos uma quantidade enorme de placas de vídeo, processadoresplaca mãe para o seu PC. Mas pera, você está atrás de um daqueles teclados mecânicos, com barulhinho que deixa muita gente em diferentes opiniões entre irritante ou relaxante? A gente tem também.

hardware informática aniversário cissa magazine

  • Eletrônicos: E claro que não íamos deixar de fora os eletrônicos variados do site. Pois aqui na Cissa vendemos desde consoles, games e produtos tecnológicos até eletrodomésticos para cozinha, casa, jardim e dia a dia. Quer uma cafeteira? A gente tem. Quer panela elétrica? Temos também. Quer um robô que limpa a casa pra você? Bom… daí já é demais. Mas temos um aspirador de pó robô super fofinho que quebra um galho legal para tirar a sujeira da casa! (Dá uma chance pra ele, vai)

eletrônicos aniversário cissa magazine

Agora que já apresentamos a nossa história e também o que vendemos, vamos pra parte mais legal, que é contar as nossas curiosidades.

5. Curiosidades da Cissa!

Curiosidades são sempre legais, né? Por isso, em comemoração aos nossos 10 aninhos de vida, vamos te contar 10 curiosidades legais sobre a Cissa que você vai curtir. E nada de enrolação, porque “não temos tempo a perder”, como dizia Renato Russo.

  • O primeiro celular vendido na Cissa foi o Motorola Dext, que tinha um Bluetooth com a versão 1.5. (E acredite, era o riquinho do rolê quem tivesse um desses)
  • Quando a empresa ainda vendia em um site de Marketplace, as vendas eram tão altas que o site não permitiu mais vender com CPF e exigiu um CNPJ.
  • O nome Cissa veio de um apelido carinhoso dado à Maria Cecília, filha dos nossos super-heróis da empresa.  
  • A Cissa saiu de um Marketplace para se tornar outro, olha só que convincente. 
  • Quando a Cissa ainda engatinhava, vendendo somente do quartinho de casa, as entregas pela região eram feitas com uma sacolinha de mercado em pontos combinados com o cliente. 
  • Em 2014, a empresa estava em um UP tão grande, que conseguiu dar presentes bem consideráveis para alguns funcionários, que iam desde carros até viagens. 
  • Tentamos vender decorações e móveis no site, mas não deu muito certo. 
  • Nosso site apareceu diversas vezes no Portal R7.
  • Há alguns anos, além da Cissa Magazine, havia também outros 18 sites que correspondiam unicamente à Cissa. Para simplificar: se você escolhesse não comprar com a gente e optasse por outro site de eletrônicos, muito provavelmente esse outro site era um braço da Cissa, mas com outro nome.
  • A plataforma de E-Commerce do Magazord foi criada justamente para sanar as dores da Cissa, e hoje se tornou uma empresa à parte de tanto que deu sucesso.

Enfim chegamos ao final desta matéria. Obrigado por ter chegado até o final conosco. Ficamos bem felizes de te ter mais pertinho da gente. Afinal, amigos são assim, sempre juntos, na tristeza e na felicidade. E com certeza, uma frase que devemos sempre levar para a vida é esta:     

frase aniversário cissa magazine

Pois bem… só temos a agradecer por ter nos acompanhado esse tempo todo pela nossa caminhada de algumas linhas. E se você ainda não conhecia a Cissa, vem fazer parte da nossa história (a gente não morde, tá bom?).       

Brincadeiras à parte, somos muito gratos a todos que fizeram, e ainda fazem, parte da nossa trajetória. Agradecemos aos lojistas que estão sempre em prontidão para garantir uma parceria extraordinária; a todo o time da Cissa que, dia após dia, dá o seu suor para oferecer a melhor qualidade nos serviços; e principalmente a você, pois sem a sua presença não seríamos nem um terço do que somos hoje!       

Enfrentamos adversidades e inúmeros outros eventos que nos tentaram a desistir. Mas não se fazem bons marinheiros com mares calmos. E disso sabemos muito bem! Seguiremos em frente, com a força e determinação que tivemos desde o berço das nossas ideias, até a coragem do fundamento de nossas conquistas. Obrigado por tudo e a todos!

Comentários

Cissa Magazine e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.