10 Dicas de Etiqueta ao Utilizar o Smartphone (+Bônus)

Imagem do autor Jackson Bagatoli
Jackson Bagatoli
Especialista em tecnologia da Cissa Magazine
02/07/2015 1.372 visualizações comentarios

Gostaríamos de deixar claro que todos são livres quanto aos comportamentos na hora de usar seu smartphone. E muitas vezes infringimos algumas “regrinhas” em situações específicas. Então, sem julgamentos e sem ressentimentos.

Nossa missão é ajudá-los a ter uma relação mais saudável com seus tão amados aparelhos e com as pessoas ao seu redor afetadas por tais comportamentos, bem como oferecer soluções simples para os casos expostos.

Nós, mais do que ninguém, amamos dispositivos móveis e smartphones em geral. Adoramos suas facilidades e avanços. Mas também nos sentimos no dever de ajudar outros amantes de tecnologia a tirar melhor proveito de seus dispositivos e desta integração com suas vidas.

Até porque os smartphones são diferentes de qualquer outra coisa no universo, foram por nós adotados quase como cães e gatos. E sendo assim, certas atitudes devem receber um pouco de atenção no cotidiano.

1. Não deixe o telefone sobre a mesa

Convenhamos que sobre a mesa o que mais deveríamos ter são pratos, talheres e boas conversas. O smartphone é realmente dispensável, a não ser que você esteja esperando um contato muito importante.

Porém, se algo realmente importante e vital tiver que chegar até você, não será por Facebook nem WhatsApp, concorda?

Então o recomendado nestas ocasiões é desligar o plano de dados. SMS e ligação continuam sendo possíveis e você controla a ansiedade.

Usar smartphone na mesa

2. Use “Silencioso” ao invés de “Vibrar”

No comecinho da era dos smartphones era comum encontrar celulares que vibravam enlouquecidamente. Inclusive, AN-DA-VAM sobre a mesa levados pela própria vibração. Assustador.

Claro que esta questão está muito mais sutil hoje, a vibração está mais leve. Mas ainda assim consegue-se ouvir a vibração de um smartphone de longe.

E é tão irritante ouvir a vibração quanto é ouvir um smartphone tocar incessantemente, ou talvez até pior, pois você ouve a vibração e não sabe se o dono do aparelho já percebeu.

 3. Fale sobre o que está fazendo

Tem aquela pessoa que ficou de te dar uma resposta no WhatsApp ou Facebook, ou até por e-mail. Tudo bem, ninguém quer te privar de usufruir dos benefícios da tecnologia, mas ninguém quer perder sua atenção para a tecnologia também.

Conte para a pessoa com quem você está o que você vai fazer: “Pessoal, estou esperando uma resposta e preciso verificar por um instante. Bem rapidinho. :D”

Deste modo, ninguém fica esperando sua atenção, as pessoas seguem suas conversas sem você e não ficam irritadas. Olhe o que tinha para olhar e volte para a conversa.

Se você queria verificar a mensagem que Joana mandaria para você, não dê atenção para a mensagem que apareceu da Florinda ou do Raimundo.

4. Um pouco de tédio não é desculpa

Preencha com outras atividades, use sua criatividade. Quando o clima da conversa esfria um pouco, não significa que seja o momento para pegar o smartphone como se você estivesse esperando por aquilo desesperadamente. É o momento para mudar de assunto ou pedir algo para beber, apenas isso.

Se for um jantarzinho romântico então, nem pensar. Os momentos de silêncio são os melhores para pescar olhares, e seria um desperdício ver o olhar indo para o smartphone.

Jantar Romântico Troca de olhares

5. Conversas de perna

Estranho mesmo de jantar com maníacos por WiFi é perceber que eles olham para as próprias coxas muitas e muitas vezes, quase sem parar.

Aí você percebe que seus smartphones estão lá, confortavelmente (e estrategicamente) posicionados para que ao menor sinal de resposta eles possam digitar.

As pessoas percebem as coisas, e sentem que você está digitando. Um sentimento horrível, devemos concordar. Utilize a dica 3 e aposte na sinceridade e o bem-estar de todos.

6. Desabilite notificações na tela de bloqueio

Esta é uma dica bem clássica, mas que muita gente ainda deixa passar. Com a modernidade dos novos smartphones e notificações push que são uma mão na roda, tudo aparece instantaneamente sem precisar de atualização. Muito bom, mas pode ser constrangedor em alguns momentos.

Ninguém sentado ao seu lado é obrigado a ver o que pessoas falam para você a todo momento, nem você é obrigado a compartilhar tais mensagens instantâneas.

Você pode escolher quais aplicativos não enviarão notificações ou até quais somente não aparecerão na tela de bloqueio com a dica 15 deste post.

7. Viva menos atrás de lentes

Você possui olhos que captam com perfeição o ambiente, e ainda outros sentidos que combinados trazem experiências inesquecíveis.

Não deixe de viver momentos para lembrar depois destes momentos que você nem sequer viveu em sua totalidade. (Complicamos?)

Fotografe o que você realmente sente necessidade de registrar, e não deixe de registrar o que realmente ama.

Mas todo o resto do seu dia a dia poderia ficar somente na sua memória, principalmente quando você está com outras pessoas.

Pense melhor antes de tirar fotos da comida ao invés de cheirá-la e simplesmente comer e comentar o quão boa ela está, não o quão bonita ela ficou no Instagram.

Todos amamos tirar fotos, e tire muitas, mas não deixe que isto tire de você momentos efêmeros que não voltam e não podem ser revividos nem com 30 megapixels.

Tirar fotos com o Smartphone

8. Atenda e afaste-se

Atender ao telefone quando sabemos que é muito importante não faz mal algum, não sejamos radicais. Se você está com seu smartphone é porque precisa ser encontrado de alguma forma, caso contrário teria deixado o aparelho em casa, recarregando a bateria ou atualizando uma tonelada de aplicativos (e esta é uma ótima ideia).

Atenda à chamada e peça licença, retire-se brevemente e tenha sua conversa tranquilamente. Ninguém precisa ouvir sua conversa ou o que você planeja fazer depois.

9. Não bisbilhote

Hoje em dia, a maior parte das pessoas guarda a vida em seus dispositivos móveis. Até aí tudo bem, o smartphone é seu e está sempre com você.

Mas e aquele momento que alguém pede para ver a última foto tirada, para ver se ficou bem na foto. Muitos olham somente a foto e devolvem, muitos outros começam a passar as fotos com muita naturalidade... uh, evite fazer isto, você está mexendo no dispositivo mais íntimo da pessoa, é o diário dela... só que com muito mais dados!

Peça permissão para passar as fotos, ou contente-se com a que já está sendo mostrada.

10. Digitar e fazer outras coisas – NÃO

Somos seres humanos e até conseguimos fazer mais de uma coisa ao mesmo tempo, mas ou algo acaba trágico ou acaba mal feito.

Ninguém quer atenção dividida. Fato. Mesmo que você consiga entender o que as pessoas estão dizendo, muito dificilmente você vai ser capaz de dar uma resposta à altura ou interagir apropriadamente.

Por favor, não dirija escrevendo mensagens. Sim, pessoas morrem desta forma. Tampouco faça qualquer outra atividade que requeira atenção enquanto digita.

Direção Smartphone

(Bônus) Desligue mais

Pensando em compartilhar ainda mais conhecimento com você, separamos uma dica bônus especial que vai te trazer de volta do mundo virtual e aproveitar melhor certos momentos.

Viver sem um smartphone é perigoso e é arriscado, e amamos estes dispositivos pois somos feitos de socialização, interação e cuidado constante. Aparelhos mais modernos possuem funções mais avançadas de personalização e de notificações, permitem que você se desligue sem desligar realmente. Como as novas opções do Lollipop de priorização de notificação.

Desligar um smartphone não deveria ser um ato tão doloroso e digno de coragem extrema, mas atualmente é. Quem desliga o smartphone é aplaudido de pé por ter a coragem, ou até a audácia, de viver sem 3G ou WiFi por algumas horas do dia.

E smartphones moderno ligam rápido! Com os processadores mega potentes e memórias RAM atuais, em alguns segundos você é trazido de volta ao mundo online.

Pense que talvez desligar seu smartphone não seja sinônimo de abandono ou de gostar menos dele ou de utilizá-lo menos. Talvez um desligamento por meia hora durante uma conversa em família signifique equilíbrio entre o físico e o digital e faça você utilizar mais seu smartphone nos momentos que fazem mais sentido. 

Mesa jantar Família

Esperamos que você tenha gostado das dicas!

Envie esta matéria para seu amigo maníaco por Wi-Fi ou a amiga viciada em WhatsApp, o amigo que coloca inveja no Instagram e a amiga que não sai do Snapchat.

Comentários