Os 16 Melhores Filmes de Terror para Assistir na Netflix

Imagem do autor Fernanda Caroline Rosa
Fernanda Caroline Rosa
Especialista em tecnologia da Cissa Magazine
05/09/2018 285.751 visualizações comentarios

Agora queremos ver se você tem nervos de aço! Está afim de assistir algum filme que vai te fazer dormir de luz acesa?

O terror e o horror são gêneros adorados por muitos fãs de cinema. É justo dizer que existem muitas produções clichês do gênero que utilizam recursos baratos, como o “jumpscare”, que consiste na mudança repentina de imagem e elevação do som para provocar algum tipo de susto no espectador.

Esses recursos apenas empobrecem o filme, pois ele se apega em determinadas técnicas para entreter o seu público, sem necessariamente contar uma boa história. O filme de terror de qualidade provoca medo, mas não através do jumpscare (que pode ser usado, mas não em excesso) e sim contando uma história envolvente, capaz de passar uma atmosfera aterrorizante.

Blog Smarts Netflix

O terror é um dos gêneros mais prolíficos do cinema, afinal há uma grande quantidade de filmes de horror sendo lançados ano a ano. Isso acontece porque o filme de terror é extremamente barato de ser produzido. Com um orçamento mínimo, é possível entregar um filme ao estúdio.

Como existe uma grande quantidade de filmes de terror sendo lançados constantemente, ou várias dessas produções, deixam a desejar. Isso é frustrante para os fãs do gênero, que sempre esperam assistir bons filmes.

Se você assina a Netflix e é fã dos filmes de terror então está no lugar certo. Separamos uma lista especial para que você conheça bons filmes do gênero e assista bons filmes no conforto (e segurança) da sua casa. Conheça agora a lista com os melhores filmes de terror presente para assistir na Netflix.

Veja Também
 Os Melhores Filmes de Netflix
 Melhores Filmes de Ação para assistir na Netflix
 Conheça as melhores séries da Netflix

Os 16 melhores filmes de Terror para assistir na Netflix

Lembrando que a nossa lista não tem ordem de importância. Apenas separamos os melhores filmes para que você se divirta e assista ótimos filmes!

The Perfection

The Perfection é um filme original Netflix que entrou recentemente no serviço de streaming. O longa começa contando a história de Charlotte Willmore, uma talentosa violoncelista da Bachoff, uma prestigiada escola de música sediada em Boston. Charlotte precisa deixar seus estudos para cuidar da mãe, com uma doença terminal que lhe dava pouco tempo de vida. Após a morte de sua mãe, Charlotte decide ir atrás de seus antigos professores para retomar a carreira musical.

Ao chegar na sua antiga escolha, a protagonista encontra Anton, seu antigo mentor e é convidada a partir para uma viagem para Xangai, partindo para a China junto com Anton e sua esposa, Paloma. Em território chinês, Charlotte acaba conhecendo Lizzie, a nova estrela da escola Bachoff e que ficou no seu lugar quando teve que cuidar da mãe. Lizzie e Charlotte acabam desenvolvendo um interesse mútuo, que acaba indo além da amizade.

Após uma noite agitada, Charlotte convida Lizzie para uma viagem pela China rural e vão de ônibus conhecer novos lugares. Entretanto, acontecimentos estranhos com Lizzie fazem com a viagem se torne um verdadeiro pesadelo. The Perfection é uma verdadeira pérola do terror que se encontra disponível na Netflix e ganha um lugar merecido em nossa lista.

The Silence

Um grupo de exploradores faz uma descoberta nada legal em uma caverna, liberando assim monstros voadores. Estes animais insanos não possuem olhos, mas em compensação possuem uma audição bem aguçada. Porém predadores desconhecidos guiados pelo som, não são a única coisa que irão assombrar a família de Hugh Andrews (Stanley Tucci) e sua filha Ally Andrews (Kiernan Shipka).

Após a liberação destes animais, o caos é espalhado pelo mundo inteiro e a única maneira de se manter em segurança é ficando em total silêncio. A jovem Ally e seu pai estão em busca de segurança, eles temem pela proteção de sua família, para que em meio a este ataque, todos saiam ilesos. 

Ao buscar por um lugar seguro para sobreviver, em meio a suspenses e um toque de desespero, a família Andrews encontra uma casa no campo. Estando assim, distante da cidade em um local protegido e com menos ruídos que os que são encontrados nas grandes cidades. Entretanto ao depararem com um culto religioso, suas vidas se encontram ameaçadas. A trama teve seu lançamento em maio de 2019 e já obteve um bom lugar nas pesquisas da plataforma de streaming e com isso ela ganha seu espaço em nossa lista.

Hush: A Morte Ouve

Filmes de terror que mexem com nosso psicológico são basicamente os mais procurados e também os mais agoniantes. O filme Hush: A Morte Ouve, se desenvolve em uma casa isolada no meio de uma floresta, onde você pode até achar meio clichê, mas a o contexto envolvente nessa história irá lhe prender a tela. 

O enredo conta a história de uma escritora surda que gosta da solidão, para assim se inspirar a fazer seus livros. A jovem Maddie, vivenciada pela atriz e roteirista Kate Siegel, possui apenas uma vizinha, a Sarah (Samantha Sloyan), na qual possui uma bela amizade. Sarah costuma visitar Maddie e assim também tem o hábito de ler seus livros. 

Em uma visita rotineira para devolver a Maddie um de seus livros, ao sair da casa de sua amiga, Sarah é surpreendida por um homem mascarado, onde a jovem tenta sem sucesso pedir por socorro. Sendo assim o assassino mascarado (John Gallagher Jr.), percebe que Maddie é surda e usa isso ao seu favor, iniciando uma caça a jovem escritora. Maddie não ouve, mas seu perseguidor sim, então seu silêncio é crucial para mantê-la viva. A tensão e o silêncio decorrente durante a trama, lhe deixaram sem ar para descobrir o destino da protagonista.

Veja Também
→ Melhores Opções de Projetores
→ 12 Melhores Smart TVs de 32"
→ Melhores Caixas de Som

Quando as Luzes se Apagam

O plot principal de Quando as Luzes se Apagam nos apresentam eventos de um passado não muito distante, em que um homem, Paul, é morto por uma entidade dentro da fábrica em que trabalha. O homem em questão é marido de Sophie, anos mais tarde vemos que se casou novamente. A filha mais velha de Sophie, Rebecca, é chamada a enfermaria da escola que Martin, seu irmão mais novo, estuda. Lá ela descobre que o garoto está passando por alguns problemas, que ainda é agravado pelo fato de a mãe deles sofrer de um quadro grave de depressão e precisa tomar remédios controlados.

Os filhos descobrem que Sophie parou de tomar seus remédios e o pior, parece estar conversando com algum tipo de pessoa imaginária chamada de Diana. Com o decorrer da história, os filhos de Sophie descobrirão que Diana não é alguém que está apenas na cabeça de Sophie e se mostra uma ameaça que coloca a vida de todos da família em risco.

Quando as Luzes se Apagam é um filme que consegue trabalhar com os típicos clichês dos filmes de terror, em que o medo do escuro é um tema recorrente no longa. Entretanto, o filmes merece elogios por não cair na mesmice e tratar de temas mais pesados, como a depressão de Sophie e dar assim mais densidade da história. Custando apenas 4,8 milhões de dólares para ser feito, Quando as Luzes se Apagam teve a proeza de fazer mais de 148 milhões de dólares em bilheteria mundial.

Do Fundo do Mar

O tubarão é um elemento recorrente nos filmes de terror, desde o filme Jaws, clássico absoluto dirigido por Steven Spielberg. Do Fundo do Mar é um filme que bebe desta fonte, e sabe abordar muito bem o tema, diga-se de passagem. O medo do desconhecido e os perigos do fundo do mar fazem que os tubarões se tornem em grandes vilões de variadas produções, umas muito boas e outras de gosto questionável.

Do Fundo do Mar é um exemplo de um bom filme de tubarão, com boa história e boas atuações. No enredo, conhecemos a doutora Suzan McAlester, que trabalha no laboratório Aquatica, que anteriormente era utilizado para guardar aviões durante a Segunda Guerra Mundial. O laboratória é palco de uma pesquisa avançada envolvendo tubarões da espécie Mako, gigantescas criaturas que podem chegar até 4.5 metros e pesar cerca de 580 quilos, o que certamente é muito assustador para uma criatura que no fundo dos mares pode nadar na velocidade de até 88 km/h e ser uma verdadeira máquina de matar.

A pesquisa com os tubarões é parte de um projeto ambicioso, pois foi descoberto que existe uma proteína no cérebro dos tubarões que pode ser a cura a o Mal de Alzheimer e assim salvar a vida de milhares de pessoas. Um acidente de grande proporções acaba colocando soltando três tubarões Mako à solta em que os pesquisadores do laboratório Aquatica precisarão sobreviver a um terrível jogo de caçada em que eles são as presas. Do Fundo do mar é dirigido por Renny Harlin e conta com nomes de peso em seu elenco, como Samuel L. Jackson.

Mara

Mara é um filme de terror produzido pela Netflix que aborda um tema que é ao mesmo tempo inusitado e perturbador para um filme de horror: a paralisia do sono. A paralisia do sono é um terror completamente real, que pode ser descrito como a paralisia temporária do corpo na hora de acordar, algo que pode acontecer com muitas pessoas e que passa a ser um problema quando a pessoa percebe que passa por essa condição e passa a ter alucinações sobre isso.

A atriz Olga Kurylenco interpreta a psicóloga Kate, que foi designada para atender uma garota que passou por um grande trauma, seu pai foi morto enquanto dormia e a sua mãe é a principal suspeita do crime. Entretanto a menina afirma que seu pai foi morto por Mara e não por sua mãe, sendo que mais tarde, descobre-se que Mara é o nome de uma entidade sobrenatural que ataca as pessoas durante a paralisia do sono. As coisas passam a piorar quando Kate também passa a ter visões da criatura e sua vida se torna um verdadeiro inferno.

Este é o primeiro filme com a assinatura de Clive Tonge, que antes havia dirigido curtas-metragens. Um dos grandes destaques no filme é a sua trilha sonora, em que os ruídos e sons são capazes de render bons sustos. Os ruídos misteriosos, as portas batendo e toques de celular que aparecem do nada são capazes de dar um bom susto ao público. A ambientação do filme também é uma das grandes atrações do filme, com um ar claustrofóbico que deixa o público um pouco desconfortável durante algumas cenas.

Jogo Perigoso

Adaptação do livro de Stephen King publicado no ano de 1992, Jogo Perigoso é mais um terror psicológico que mexe com nossos sentidos e nos prende a uma trama cheia de suspenses. A trama é dirigida pelo cineasta Mike Flanagan, conhecido por sua extensa lista de filmes de terror. 

Com a intenção de reativar a chama de seu casamento e seus desejos sexuais, o casal Jessie Burlingame (Carla Gugino) e seu marido Gerald Burlingame (Bruce Greenwood), viajam para uma casa afastada, onde ali poderão realizar suas fantasias sexuais. No decorrer de um final de semana que era para ser muito romântico e quente, Gerald resolve algemar Jessie na cabeceira da cama.

Tudo parecia ocorrer bem, até os dois obterem uma desavença sobre alguns fetiches do marido. Logo após Jessie se demonstrar desconfortável com a situação, Gerald sofre um ataque cardíaco. O marido morto aos pés da cama e ela algemada, precisando lidar com a idéia de estar sozinha, sem ter como sair, sem comida e sem água. Jessie é atormentada por fantasmas do passado, que fazem ela pensar em seus traumas enquanto luta para sobreviver, convivendo ao lado de um cão insaciável que segue lentamente consumindo o cadáver de seu marido.

Blog Melhores Caixas de Som

Ouija: A Origem do Mal

Ouija: A Origem do Mal é um filme que mistura muitos elementos possíveis de serem encontradas em produção de horror feitas na década de 70/80, o que talvez seja um fatores que contribuem para deixar a produção com ares de nostalgia e extremamente divertida de ser assistida. O filme nos começa mostrando a vida de Alice Zandler, interpretada pela atriz Elizabeth Reaser, que mora nos subúrbios de Los Angeles e trabalha como médium, mas apenas é uma charlatã que deseja ganhar algum dinheiro para sustentar a si e suas filhas.

Alice mora junto com suas duas filhas, Paulina de 15 anos e Doris de 9 anos de idade e todas as três ainda estão de luto com a morte de Roger, o pai das meninas e marido de Alice. Por sugestão da sua filha mais velha, Alice utiliza um tabuleiro ouija nas suas sessões de charlatanismo, a fim de deixar o seu exibicionismo com os espíritos ainda mais convincente. As coisas começam a dar erradas quando a tábua de ouija começa atrair espíritos reais, que num primeiro momento se mostram amigáveis, mas com o passar do tempo se apresentam entidades cada vez mais malignas e sombrias.

O filme é uma sequência do aclamado Ouija, filme de 2014 que fez enorme sucesso porém não foi muito bem recebido pela crítica. Com isso, o diretor Mike Flanagan decidiu assumir a direção do segundo filme da franquia e fazer um dos melhores filmes de terror de 2016. Ouija: A Origem do Mal fez mais de 80 milhões em bilheteria mundial e muitos críticos chamam a história de uma “experiência sincera e genuinamente assustadora”.

Atividade Paranormal 4

A série de filmes de Atividade Paranormal é conhecida por suas filmagens feitas através de webcams, câmeras de vigilância e câmeras amadoras, com a intenção de mostrar ao público uma imagem “real”, de uma família sendo atacada por poderes sobrenaturais. A quarta geração de filmes, Atividade Paranormal 4, tem como intenção, mostrar o que aconteceu com Katie (Katie Featherson) e seu sobrinho Hunter, que simplesmente desaparecem no primeiro e segundo filme da trama. 

A história se passa após 5 anos de seus desaparecimentos, onde Katie e Hunter, que agora passa a se chamar Robbie, moram juntos como mãe e “filho”. Coisas estranhas começam a acontecer na casa em frente a deles, onde vive a jovem Alex (Kathryn Newton) e sua família. Katie é diagnosticada com uma doença misteriosa, sendo levada para o hospital, quando então Robbie irá passar uns dias com a família de Alex, onde o mesmo faz amizade com seu irmão caçula, alojando assim o espírito maligno em sua casa. Alex começa perceber que há algo de estranho, tanto na casa, quanto um mistério por trás do garoto Robbie.

Alex é uma adolescente comum, que costuma ter em mãos seu celular e seu notebook, o que ajudaram a jovem e seu amigo Ben (Matt Shivley) a seguir os passos de seu vizinho, o garoto misterioso. Quanto mais curiosa a garota Alex se torna, mais fenômenos assustadores ocorrem. Com um orçamento de 5 milhões de dólares, Atividade Paranormal 4, arrecadou 142,8 milhões de dólares em sua bilheteria.

Mama

Após passar por uma crise financeira, Jeffrey mata sua esposa e leva suas filhas Lilly e Victoria embora, na intenção de matá-las e depois se suicidar. A premissa inicial de Mama, já é bem frustrante, levando em conta que ela já começa com um homicídio. 

Mas esta frustração é fichinha, perto do que a de acontecer no decorrer da trama. Jeffrey se encontra apavorado, perdendo assim o controle do carro, fazendo com que parem em uma floresta, onde acaba encontrando uma cabana, sendo ali o local que ele escolhe, para assassinar as meninas. Apontando sua arma na cabeça de uma das filhas, Jeffrey é surpreendido por um ser sobrenatural, que o estrangula até a morte. 

Com a morte da mãe e o desaparecimento do pai, as meninas são dadas como mortas, nisso passam-se cinco anos. Após este tempo caçadores encontram Victoria e Lilly na floresta. As meninas são levadas para a civilização e agora o tio delas Lucas (Nikolaj Coster-Waldau) e sua namorada Annabel (Jessica Chastain), lutam para criar as meninas, dando a elas dignidade e amor. Tudo parece perfeito não é mesmo? Mas quem cuidou das meninas durante estes cinco anos? Lucas e Annabel precisam lutar pela guarda delas com Mama, uma entidade nada amigável. Afinal, como o próprio subtítulo do filme diz “Amor de mãe é eterno”.

Jessabelle

Do mesmo diretor de Jogos Mortais, o filme Jessabelle: O Passado Nunca Morre, tem como característica de terror sobrenatural, que levará você a ter sensações arrepiantes e assustadoras. Jessabelle Laurent (Sarah Snook) ou Jessie como amigos e familiares a conhecem, está se mudando para morar com seu futuro marido, onde o um caminhão atinge o carro do casal, matando Mark e fazendo com que a jovem perca o movimento das pernas.

Jessie se vê obrigada a morar com seu pai Leon (David Andrews) na cidade St. Francisville, Louisiana, onde residia quando ainda criança. Ao chegar na casa de seu pai, ele a acomoda no antigo quarto de sua mãe, que morreu logo após seu nascimento. Jessie encontra fitas gravadas por sua mãe, que conversa com ela, falando sobre seu futuro. Parabenizando Jessabelle por seus 18 anos, sua mãe Kate (Joelle Carter), faz leitura das cartas, avisa a filha que possuem assombrações, que desejam fazer o mal a ela. 

Jessie é confrontada a conviver com poderes sobrenaturais. O que parecia ser bom para a jovem Jessie, pode ser apenas o ínicio de seu pesadelo. A bilheteria que rendeu 7 milhões de dólares, Jessabelle promete render uma ótima sessão de terror, com um toque de suspense e mistério, que farão você se surpreender no final.

Verônica

Filmes que envolvem tabuleiros Ouija e espíritos malignos, rendem bons sustos e intrigam muitos espectadores. E para amedrontar ainda mais, Verônica é um filme da Netflix, baseado em relatos da polícia da espanha em 1991.

Verônica (Sandra Escacena) é uma adolescente que acaba de perder o pai e precisa lidar com a dor e sofrimento. Querendo ajudar a garota e “brincar” com um tabuleiro Ouija, as amigas de Verônica sugerem uma comunicação com o pai dela através do tabuleiro. A brincadeira não acaba bem, fazendo com que Verônica carregue consigo um espírito demoníaco, colocando em perigo seus irmãos mais novos.

O silêncio, a pouca iluminação e o mistério por trás de cada uma das cenas, trazem o filme Verônica a nossa lista. A entidade presente no apartamento de Verônica, não possui um rosto, o que causa ainda mais intriga ao aparecer em momentos inesperados.

Day of the Dead: Bloodline

Baseado no clássico Dia dos Mortos, o filme Day of the Dead: Bloodline, traz a história de uma ex-aluna de medicina, que junto a um grupo de sobreviventes, lutam dia após dia para permanecerem vivos em meio uma epidemia. 

Cinco anos se passaram, desde que um epidemia se alastrou, transformando grande parte dos humanos em zumbis. Os sobreviventes vivem em bankers, mas quando uma garotinha adoece, a médica Zoe Parker (Sophie Skelton) e um grupo de sobreviventes, saem em busca de medicamentos. 

Em busca de sobreviver e levar a medicação necessária para manter a pequena garota viva, Zoe é confrontada por um “fantasma” de seu passado. Um morto-vivo sedento por carne humana, aparenta ter consciência perto de Zoe. Com os estudos da jovem médica, o sangue deste zumbi pode ser a porta de salvação de todos, ou o precipício para a destruição.

I Am the Pretty Thing That Lives in the House

Um filme original Netflix, envolve o mistério o terror em I Am the Pretty Thing That Lives in the House, que traz cenas sinistras e arrepiantes. Traduzindo para o português, O Último Capítulo, que em sua versão original se chamaria Eu Sou a Coisa Bonita que Mora na Casa, conta a história de uma jovem enfermeira, contratada para cuidar de uma aposentada escritora de livros de terror.

Iris Blum é uma famosa escritora de livros de terror, está aposentada e sofre de demência. A senhora Iris mora sozinha e precisa de cuidados. O gerente da propriedade, senhor Waxcap, pensando no conforto dos últimos dias de Íris, contrata a jovem enfermeira Lily Saylor (Ruth Wilson), para cuidar e orientar a senhora. 

Um emprego que parecia simples e sem muita animação, se torna um verdadeiro pesadelo, quando Lily descobre que está convivendo com um dos personagens da escritora Íris. Uma história em volta de uma beleza gótica, O Último Capítulo traz inovação e é recomendado para quem busca algo diferente em quesitos de terror.

The 3rd Eye 2

O filme disponível na plataforma de streaming Netflix, é a continuação do do filme O Terceiro Olho. No primeiro filme a protagonista Alia (Jessica Mila) perde sua irmã caçula que tem o dom de ver coisas sobrenaturais.

Na continuação da trama, Alia decide seguir em frente e arruma um emprego em um orfanato. Ali em meio ao recomeço, Alia conhece Nadia (Nabilah Ratna Ayu Azalia), que possui o mesmo dom de ver coisas sobrenaturais que a irmã caçula de Alia no primeiro filme. 

Sons estranhos começam a aterrorizar o local, onde as garotas Alia e Nadia entram em meio a uma investigação do que pode estar ocasionando tais barulhos. Na sinopse da Netflix diz: “No orfanato que trabalha, Alia conhece a jovem Nadia, que consegue ouvir vozes estranhas nas paredes. Elas tentam descobrir de onde vem o som e dá tudo muito errado.”. Com isso já podemos imaginar, que assim como o primeiro filme, O Terceiro Olho 2, não acaba bem.

Apóstolo

Morte, violência e medo, são detalhes que acompanham o filme de terror britânico Apóstolo. Pois no ano de 1905, Thomas Richardson (Dan Stevens), inicia uma busca por sua irmã raptada e descobre que seus antigos problemas eram pequenos perto do que está por enfrentar.

Thomas é um ex-padre e após ter sido considerado desaparecido, ele volta para casa e descobre que sua irmã foi raptada. Em busca de respostas e de salvar sua irmã Thomas se infiltra em meio aos raptores que seguem um culto religioso. Em pouco tempo Thomas percebe que aquela pequena ilha esconde segredos sangrentos e que quem não segue o tradicionalismo ali vivido é torturado de formas bizarras.

Parece um filme normal que se passa no início do século XX, mas o suspense que o envolve é aterrorizante. Torturas, sacrifícios e muito sangue, fazem com que o filme Apóstolo, produzido por Gareth Evans, lançado em 2018, entre em nossa lista de filmes que irão tirar o seu fôlego.

Comentários