Rumores sobre o Galaxy S7 sugerem volta do microSD, resistência à água e queda na câmera

Imagem do autor Vinicius Censi
Vinicius Censi
Especialista em tecnologia da Cissa Magazine
05/01/2016 2.055 visualizações comentarios

VentureBeat publicou recentemente um relatório que mostrava algumas mudanças importantes referentes ao futuro emblemático da Samsung, o Galaxy S7. Caso os boatos se concretizem, o carro-chefe irá receber de volta grandes características que não se fizeram presentes nas versões atuais (S6).

Rumores sobre o Galaxy S7 sugerem grandes melhorias

De acordo com uma fonte anônima, a qual não quis manifestar sua identidade, a Samsung tem planos audaciosos para a futura versão S7/S7 Edge, como o retorno do slot microSD em ambos. Esse poderia ser um ponto positivo na balança da empresa perante os usuários que lamentaram a perda do armazenamento expansível na linha S6.

Já na parte de bateria também há novidade. VentureBeat espera que elas permaneçam não removíveis, mas diz que serão maiores. Nas versões atuais (S6/S6 Edge), as baterias contam com 2.550 e 2.600 mAh, respectivamente. Já para este ano são esperadas 3.000 e 3.600 mAh para os emblemáticos.

Galaxy S6

Outro grande retrocesso foi a retirada da resistência à água e poeira, o IP67. A linha Galaxy “S” estava em um grande processo evolutivo e um dos principais atrativos da marca era justamente a capacidade de imersão - presente em alguns de seus dispositivos. Mas ao que tudo indica, a Samsung está ciente de seus erros e nas próximas versões (S7/S7 Edge) existe uma grande probabilidade do retorno desta tecnologia.

Na parte de trás dos futuros emblemáticos foram feitas algumas mudanças. A câmera traseira, ao invés de permanecer com 16MP, foi reduzida para 12MP e sua abertura, de f/1.9, deverá ser f/1.7. Caso estas especulações concretizem-se, até então, não fizeram muito sentido, a não ser estético. Pois, dessa forma, os novos modelos deverão vir sem a protuberância presente na câmera do S6.

Câmera Protuberância

Apesar de a câmera ter sofrido tal redução, existe a probabilidade do Galaxy S7 vir com tamanho de pixel maior que irá garantir imagens superiores – afinal de contas, a quantidade de megapixels é apenas um dos fatores para se cotejar em uma câmera.

Tratando de display, a informação que recebemos é de que o Galaxy S7 Edge+ deverá manter 5.7 polegadas e sua versão simplificada deverá sair de 5.1 e partir para 5.5. Já a versão normal deverá permanecer com tela de 5.1. A resolução esperada para ambos os dispositivos é de 2.560 x 1.440 pixels.

Print Screen

Falando de hardware, a VentureBeat opina um novo processador, o Exynos 8 Octa-Core 8890 da própria Samsung. Já rumores mais antigos sugeriam um Snapdragon 820, que pode sim vir a se concretizar, mas apenas em algumas variantes norte-americanas. No quesito memórias são esperados 4GB de RAM e pelo menos 32 e 64GB de armazenamento interno.

Rumores vindos do Wall Street Journal também mencionaram conexão USB Tipo-C, que deverá ser o futuro dos dispositivos, e tela sensíveis à pressão – excelente para desconsiderar toques acidentais.

Vale ressaltar que todas as informações citadas acima não passam de boatos e por mais reais que sejam não devem ser levadas como verdade absoluta.

Mas e você, quais são suas expectativas para os novos dispositivos emblemáticos da poderosa sul-coreana? Eu, particularmente, acredito muito numa reviravolta, visto que tais rumores sugerem smartphones pra lá de fenomenais. Não se esqueça de deixar sua opinião, ela é muito importante para nós!

Fonte(s): VentureBeatAndroidPolice

Comentários